Scania vende seu primeiro caminhão elétrico no Brasil para a Pepsico

A Pepsico, na busca pela redução das emissões das suas operações de transporte, compra o primeiro caminhão elétrico da Scania no País. Trata-se do P25. O modelo, um caminhão 6×2, vai atuar no transporte de produtos da marca.


Importado da Suécia, onde é produzido, o caminhão foi lançado no velho continente em 2022. No Brasil, o modelo chega para atender atividades semipesadas. Assim, conta com capacidade para transportar 23 t. E sua autonomia chega até 200 km.


Seja como for, o operador logístico da Pepsico, Andrade Logística, ainda vai receber um segundo modelo elétrico da Scania. Do mesmo modo, vai rodar nas rotas de distribuição de alimentos da companhia.


Por ora, ambos os caminhões rodarão no interior de São Paulo. Precisamente no transporte de produtos a partir das fábricas aos Centros de Distribuição da empresa. Ou seja, entre as cidades de Cabreúva, Itu, Valinhos, Indaiatuba e Sorocaba.


Ainda que o caminhão não esteja de fato sendo vendido no País, oficialmente, com a novidade, a Scania também avalia e possibilita o conhecimento necessário para o aprimoramento e adaptação às necessidades locais. Assim, ampliando as soluções da empresa para frotas mais sustentáveis.


Pioneirismo

A PepsiCo foi uma das pioneiras do setor de bens de consumo no Brasil a testar e adquirir caminhões movidos a GNV da Scania, desde 2019. Agora, a marca repete o feito, estreando os caminhões 100% elétricos no País.  


A tecnologia nos ajuda a impulsionar nossa estratégia global de ESG, chamada PepsiCo Positive (pep+), que busca ampliar nossa frota de veículos com menor emissão de GEEs e outras soluções que resultem em ganhos ambientais em toda a nossa cadeia de valor. É esse compromisso que nos move e a América Latina tem contribuição fundamental para os objetivos globais de ESG da PepsiCo.

diz Alex Carreteiro, presidente da PepsiCo Brasil Alimentos. 

Este modelo da Scania foi trazido ao Brasil a pedido da PepsiCo para testes de performance e rotas em sua operação logística interna. Afinal, desde 2023 toda compra de caminhões novos da PepsiCo conta com 20% de veículos elétricos ou movidos a gás. Dessa forma, com tais medidas, o potencial de redução na emissão de CO2 da frota da PepsiCo é de 30% até 2030.  

Fonte: https://transportemundial.com.br/scania-vende-seu-primeiro-caminhao-eletrico-no-brasil-para-a-pepsico/






Compartilhar esta publicação
Nossos blogs
Arquivar